domingo, janeiro 03, 2010

Silas Malafaia Defende Apóstolo Valdemiro Santiago

“Porque vos digo que, se a vossa justiça não exceder em muito a dos escribas e fariseus, jamais entrareis no reino dos céus”.

Mateus 5.20

“Justiça, dikaiosune”, parece significar aqui ” a conduta que Deus requer, possível apenas quando a lei for encarada como uma inspiração, e não como um fardo, como os escribas a queriam tornar”.

Jesus usa dois dos principais grupos religiosos (autoridades judaicas) para nos mostrar que devemos ser diferentes deles.

A verdadeira justiça, pois, tem de exceder a desses homens. Não quanto ao formalismo ou quanto a particularidades secundárias, mas quanto ao espírito da lei. A parte seguinte do sermão mostra que Jesus ordena a pureza de motivos e de intenção do coração, e não apenas a observância exterior (vss. 27-48).

Fontes: Mateus – Introdução e Comentário (Editora Cultura Cristã), R. V. G. Tasker. O Novo Testamento Interpretado Versículo por Versículo. Russell Norman Champlin, Ph. D.

Defender o apóstolo Valdemiro embasado no argumento de que estádios de futebol e quadras de escola de samba também oferecem risco ao público é, no mínimo vexatório. 
No versículo 19 do capítulo 5 do evangelho segundo escreveu Mateus, Jesus nos alerta:


Portanto, qualquer um que desobedecer ao menor mandamento e ensinar os outros a fazerem o mesmo será considerado o menor no Reino do Céu. Por outro lado, quem obedecer à Lei e ensinar os outros a fazerem o mesmo será considerado grande no Reino do Céu.( Mateus 5:19)

 
   
Temos que cumprir as leis vigentes em nosso país, e não olhar para quem não cumpre. 

O que mais chamou minha atenção nesse vídeo é o pastor Silas Malafaia dizer que os evangélicos não brigam. Não foi isso que senti várias vezes aqui no blog, ao contrário, percebi que se alguns leitores pudessem, com certeza já teria sido agredida fisicamente várias vezes. 

6 comentários:

Filipe L. C. Machado disse...

É cada vez mais deplorável o nível dos animadores de auditório (pseudo-pastores).

Um abraço e que Deus possa nos guiar a cada dia, na sua reta e sã doutrina.

Um abraço!

Filipe Machado - 2timoteo316.blogspot.com

charmoso!!!!!!!!!!!!!!!!!! disse...

COMO FALAM BESTEIRAS!AINDA SE DIZEM CRISTÃOS!!!ESTE FELIPE DIZ QUE SILAS E WALDEMIRO SÃO PSEUDO PASTORES???MEU FILHO VCNÃO ENTENDE NADA DE BÍBLIA SUA VISÃO É MEDÍOCRE E OS FRUTOS MOSTRAM QUE ELES SÃO DE DEUS!!!!!QUERO FALAR PARA ESTE FELIPE QUE ESTUDE MAIS A BÍBLIA COM SABEDORIA !!SER DIÁCONO NÃO QUER DIZER NADA! EU SOU PHD EM TEOLOGIA E DIVEINDADE E DAI??O QUE VALE É A SABEDORIA LÁ DO ALTO!!DEUS CONHEÇE O CORAÇÃO DELES E TEM ATRIBUIDO TRABALHPS GRANDES ! PARAEM DE SER INVEJOSOS NÃO SABEM O QUE FALAM!!!!!!!!!!!MEU DEUS!

charmoso!!!!!!!!!!!!!!!!!! disse...

PLACA DE IGREJA NÃO SE DEFENDE!!!AFINAL TODFAS FAZEM PARTE DO CORPO DE CRISTO ,LÓGICO AQUELAS QUE PREGAM JESUS COMO ÚNICO SALVADOR!DOUTRINAS DE IGREJA NÃO SE PODE MISTURAR COM A PALAVRA DE DEUS!!!!!SEJA,M SÁBIOS TRABALHEM EM PREGAR O EVANGELHO E PAREM DE SER CRÍTCOS DE QUEM PREGA !!VÃO FAZER ALGO PLO EVANGELHO AI VC´S COLHERÃO O QUE ELES ESTÃO COLHENDO!!!!!!!

Hélio disse...

o charmoso é mais um "torcedor de pastor" que aparece por aqui... ele nem sabe o que é evangelho, pois se soubesse veria que a única coisa que os seus ídolos não fazem é justamente pregar o evangelho, que para os cristãos é a salvação pela cruz de Cristo, e não ficar pedindo dinheiro pra enriquecer.... converta-se, charmoso, ainda há tempo!

Meire disse...

Papai Eterno me Socorre!
Acho muito estranho alguém imaginar ser Phd em teologia e doutor em divindade. Como pode ser isso?
Nem o apóstolo Paulo arvoreou para si tal título, e ele teve experiências com Deus indescritíveis.
Considerando que teologia é o estudo de Deus, como um mortal pode alcançar tal façanha e não questionar a falta de lisura com que alguns pastores e pseudo apóstolos lidam com o Nome Santo de Deus?
Sobre os frutos deles, eu digo: Não, obrigado!

Sergio disse...

Na parte final do discurso agradece por falar “nesse espaço que deus lhe deu”. Muita cara de pau e safadeza, esse espaço é comprado e muito caro com o dinheiro que arranca da maioria pobre e inculta com o estelionato do dizimo.