terça-feira, junho 01, 2010

Igreja, depósito de aparências.

por Soli Limberger

Igreja, depósito de aparências

- Não temos portões, nem alarmes, nem cadeados em nossa igreja - Disse o discípulo ao visitante.
- E como fazem com os ladrões? - Perguntou o visitante.
- Não há nada materialmente valioso aqui dentro. Se houvesse, já teríamos dado a quem precisa.


Bom seria se as igrejas, católicas e evangélicas, pudessem dizer isso. Nos últimos anos elas e seus líderes se transformaram em estruturas milionárias. Depósitos de aparência. Ficaram bem diferentes da igreja de Paulo e Pedro. Da igreja como foi concebida. Para DAR e não para RECEBER.

O evangelho de Cristo não pode ser usado para o enriquecimento de quem quer que seja, nem Bispos, nem Pastores, nem Padres ou suas intituições, nem para músicos cristãos, nem para grupos de louvor, nem para cantores ou cantoras "evangélicos" ou "católicos". Inclusive esses músicos cristãos de hoje, cobram apenas "uma oferta" para ministrarem nas igrejas. UM ABSURDO.


MERCENÁRIOS DO EVANGELHO
Quantos grupos de "louvor" e cantores evangélicos estão MILIONÁRIOS hoje? Busque saber quem vive para ganhar dinheiro como o evangelho ou para ser usado por Deus. Querem ser "sustentados" pelo evangelho de Cristo. Quem está servido quem? Eles servem o evangelho ou o evangelho os serve?


O único homem, nos tempos bíblicos, que conseguiu dinheiro usando Jesus para os seus próprios prazeres, logo se arrependeu e devolvendos seus lucros, pena que já era tarde demais pra ele.


"Então Judas, o que o traíra, vendo que fora condenado, trouxe, arrependido, as trinta moedas de prata aos príncipes dos sacerdotes e aos anciãos." - Mat. 27:3

Abaixo um dos vídeos mais interessantes sobre esse tema. Inspirador, vale a pena ver.




Abraço a todos

EM CRISTO, o Pai da igreja.

Fonte: Buscai O Reino

Um comentário:

Márcia Gizella disse...

Gostei Meire!
Gostei muito do vídeo também, já salvei nos meus favoritos, que desabafo hein?!